Páginas

Sinopse:
A caminho da escola, levado pela mão do pai, Pippo é atingido por uma bala perdida no meio de uma refrega das máfias de Nápoles. Matteo e Giuliana, os pais, passam a viver obcecados pela vingança - mas Matteo não consegue a coragem necessária para abater Cullaccio, o responsável pela morte do seu filho.
Abandonado pela mulher, Matteo vagueia pela noite de Nápoles, onde travará conhecimento com um conjunto de personagens estranhos: Grace, um travesti felliniano, Garibaldo, dono de um café que permanece aberto toda a noite, o velho padre Mazerotti e o professore Provolone, um especialista em questões esotéricas que lhes garante que é possível descer aos Infernos e que conhece, na própria Nápoles, uma das entradas possíveis.
Acompanhado do padre, Matteo aventura-se então nas entranhas do Reino dos Mortos em busca do seu filho perdido...
Misturando o real e o fantástico, Laurent Gaudé - Prémio Goncourt de 2004 e uma das vozes mais importantes da actual literatura francesa - oferece-nos com A PORTA DOS INFERNOS um romance admirável sobre um dos mitos mais poderosos da história da humanidade.



A minha opinião:
Este não é um livro para se ler de ânimo leve. É a história de uma tragédia familiar que deixa as suas marcas profundas em todas personagens envolvidas.
Tudo começa quando, em 1980, Pippo, um menino de 6 anos, é apanhado no meio de um tiroteio entre grupos de mafiosos rivais e morre nos braços do seu pai, Matteo. A partir deste momento tudo se desmorona, tudo é negro, perverso e tudo se move em busca de uma solução que traga a vingança e a paz a um pai e a uma mãe que perderam o ânimo de viver.
Depois de muita procura e com a ajuda de um grupo de amigos no mínimo peculiar, Matteo consegue descobrir onde se situa a entrada para o Inferno de forma a resgatar das profundezas sombrias o seu amado filho. Matteo consegue, mas não sem pagar um elevado preço.
Com Pippo devolvido à vida, é este que irá realizar a tão esperada vingança contra aqueles que destruíram a sua família.
Um livro muito bem escrito, com passagens poderosas e que nos faz pensar sobre o quão poderosas são as ligações humanas baseadas no amor ou na obsessão...
8/10
Lido a 18 de Dezembro de 2009

2 comentários

Náh disse...

olá!
Adorei seu cantinho... É a primeira vez que visito...
Estou te seguindo...
Beijos,
Náh*

Miar à chuva disse...

Olá Náh,
Obrigada pela visita :)

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger