Páginas

Sinopse:
No Inverno mais frio de que há memória na Suécia, um homem, nu e obeso é encontrado pendurado num carvalho solitário no meio das ventosas planícies de Ostergotland. O cadáver apresenta sinais evidentes de violência mas, em volta, a jovem e ambiciosa inspectora Malin Fors só pode constatar como a neve cobriu e ocultou para sempre as eventuais pistas deixadas pelo assassino. A única certeza é que o macabro achado vai abalar a vida tranquila da pequena comunidade de província e trazer de volta terríveis segredos há muito escondidos.

Sangue Vermelho em Campo de Neve - Inverno revela aos leitores portugueses Mons Kallentoft, um autor brilhante que, com este livro, ocupou de imediato os primeiros lugares nos top de vendas dos países nórdicos e está a ser traduzido pelas mais importantes editoras na Europa.


A minha opinião:
Mas que raio de decepção de livro!
O enredo é satisfatório, a complexidade das personagens é boa. No entanto, a acção é demasiadas vezes intercalada por momentos parados ou demasiado lentos de descrição e/ou pensamentos de alguma personagem, levando qualquer um a achar que este é um livro morno e por vezes chato de continuar a ler.
O que salvou a coisa foi o desfecho que foi original e que foi enriquecido pela, como já referi, complexidade das personagens.
Mas saldo final - o livro é uma absoluta perda de tempo e não me verão, com toda a certeza a prosseguir leitura pelos restantes volumes desta tetralogia.

3/10
Lido em Novembro de 2010

2 comentários

Patrícia Cálão disse...

Este livro estava na minha lista de compras. Entretanto tirei-o de lá. Agora que vejo a tua opinião, não me arrependo nada da minha decisão!

Miar à chuva disse...

Olá Patrícia,
Em 1º lugar, obrigada pela visita ao meu blog!
Em 2º lugar tenho de te confessar que a única coisa boa em ter empatado o meu tempo neste livro foi que não o tinha comprado, era emprestado.
Beijinhos
Sandra

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger