Páginas



Sinopse:
Este livro é uma aterradora caça ao homem, um serial killer que os polícias não conseguem deter, um psicopata que parece ter saído de um pesadelo tornado realidade.
Ele pertence ao tipo de assassinos que, por instinto, mais tememos: sem limites, sem consciência e sem qualquer medo de ser apanhado. A sua última vítima é a filha de um poderoso senador dos Estados Unidos. Com os meios de comunicação social a clamar por justiça e um pai enlutado à procura de vingança, Bishop e a sua Unidade de Crimes Especiais do FBI encontram-se numa situação ímpar. Desta vez, nem mesmo os médiuns criminologistas chegam para deter o mal. A ajuda vem de uma inexperiente organização civil de crime. Agindo fora de qualquer supervisão governamental e sem autorização oficial, é constituída por um conjunto de elementos tão talentosos quanto excêntricos.


Dani Justice sabe tudo o que há a saber acerca de monstros. Assombram os seus pesadelos… e a sua vida. Mas nunca pensara ver-se envolvida na procura encarniçada do rasto de um predador de carne e osso tão astuto que escapara aos melhores que a Justiça conseguira mandar no seu encalço; tão mortífero que não hesita em assassinar até mesmo a filha de um senador. Ou um polícia. Dani sabe algo que nem mesmo Bishop sabe. Dani prevê como termina a caçada. Termina com fogo. Com sangue. E com morte. O que ela não sabe é quem sobreviverá.





A minha opinião:
Um livro surpreendente que não é nada do que estava a pensar. Com uma sensação de terror e suspense, que prevalece em cerca de 80% do livro, e com muitos elementos do sobrenatural, este livro irá com certeza arrepiar qualquer leitor.
Um assassino em série aterrorizou a cidade de Boston com os seus crimes inexplicavelmente impecáveis - sem rasto, sem testemunhas, sem aviso e sobretudo a decorrer a uma velocidade que nem a equipa da Unidade de Crimes Especiais auxiliada pela Haven - uma rede de pessoas com dons muito especiais espalhada por todo o país - consegue acompanhar. Mas o criminoso comete um erro (é o que Bishop e a sua equipa pensa) e apanha uma mulher demasiado conhecida e demasiado protegida. Com um pai com uma longa carreira política e inserida no departamento da justiça, esta é uma vítima que não se insere nos gostos especiais e subtis deste assassino e que o vai obrigar a fugir.
Mas de repente, e mais uma vez sem aviso, o assassino surge numa cidadezinha remota e isolada, com um crime demasiado horrível para qualquer estômago humano. Daqui até ao clímax é um pequeno passo.

Um livro que me despertou da sonolência e afastou o sono com a tensão e a excitação do que estava a ler.

A única coisa negativa a referenciar é a escassa caracterização das personagens e o final um pouco rápido demais. O primeiro causou-me alguma confusão no início pois são muitas personagens com várias características importantes para o desenvolvimento do enredo. O segundo ponto não o considero bem como sendo negativo, apenas deixou-me com fome de mais páginas. Se este livro tivesse 400 páginas bem desenvolvidas dar-lhe-ia nota máxima.
Um início de trilogia excitante e empolgante que fez mais uma fã, e mais uma autora a demarcar na minha lista de boas opções.
7,5/10
Lido a 17 de Agosto de 2009

4 comentários

Hérida Ruyz disse...

Olá!
Adorei sua sinopse..agora fiquei curiosa. Adoro um bom suspense, mas ultimamente não dei sorte, só peguei lixo. rsrs
Bjos :)

Débora Lauton disse...

Parece ser bem legal... eu gosto muito de trilogias... eu não conheço essa autora, mas se achar por aqui, vou ler...

beijos,
Dé...

Migalhas disse...

Mais uma trilogia? Ai, ai... haja tempo, euros e espaço na estante ;)
Fora de brincadeiras, lendo a tua opinião, pareceu-me bem interessante e uma autora a ter debaixo de olho :)

Miar à chuva disse...

Olá Hérida,
Este é de facto um bom início, mas espero que nos restantes volumes a estória desenvolva muito mais ;-)
Bjinhos e obrigada pela visita!


Olá Débora,
Espero que gostes e que passes tão bons momentos como eu ao lê-lo.
Obrigada pela visita e pelo comentário.

Olá Migalhas,
Se estiveres curiosa eu posso emprestar-to.
Já sabes sem cerimónias!
Obrigada pela visita

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger