Páginas



Sinopse:
«Eu via dormir aquele desconhecido que entrara na minha vida por arrombamento. Não era belo quando fechava os olhos. Toda a sua sedução se concentrava na voz e naquele olhar cinzento. mas reencontrava no sono uma espécie de infância que me enterneceu, o que provocou em mim uma imediata reacção de censura. Qualquer coisa me dizia que, com Jerzy, o enternecimento seria servidão. Que idade teria ele? Trinta e dois anos, trinta e três...
Apaguei o candeeiro da mesinha de cabecera. A luz de um anúncio de néon, filtradapelos cortinados, banhou o quarto numa penumbra azul. Deslizei para fora da cama ara ir parar um disco que continuava a girar no prato. Era, lembro-me, a Appassionata
Françoise Giraud, jornalista, ensaista, antiga ministra da Condição Feminina e depois da Cultura, colinista no Novel Observateur, publicou vários livros, entre os quais Alma Mahler, Retrato de uma Sedutora, també publicou pela Quetzal e, recentemente, Coeur de tigre, uma importante biografia de Clemenceau. Meu amor muito querido é o seu segundo romance.

A minha opinião:
Um pequeno mas lindíssimo romance que li velozmente.
É o registo do envolvimento amoroso de uma mulher mais velha, que tem a sua vida bem estabelecida, com um homem mais jovem, advogado, no princípio de carreira. Um homem jovem, inseguro de si mesmo e que talvez por isso mesmo a atrai tanto.
Com o passar do tempo acompanhamos o evoluir da paixão até atingir o ponto da dependência por parte de um dos envolventes e o subsequente aparecimento do ciúme.
Foi com alguma tristeza que li o fim do livro que equivaleu ao fim da paixão, mas que me deixou com a certeza da grande delicadeza feminina da escrita desta autora.
Gostei e recomendo!
8/10
Lido a 26 de Agosto de 2008

4 comentários

Beαtriz disse...

Adoro estes romances! :)

Miar à chuva disse...

Acho que toda a gente se deixa encantar facilmente por um belo romance ;-)
Obrigada pela visita Beatriz

Sofia disse...

Olá Sandra :)
Não conhecia este romance mas pela tua descrição e classificação parece-me interessante.
Fica registado :D Beijinhos

Miar à chuva disse...

Olá Sofia :-)
Esta autora é bastante famosa na França (o seu país de origem), onde já foi ministra da Cultura.
É um livro pequeno, que se lê rapida e facilmente. Uma leitura muito agradável.
Obrigada pela visita!
Sandra

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger